Postura do ministério de música em animações litúrgicas


O lugar dos cantores e dos instrumentos musicais, tanto quanto a estrutura da igreja o permita, à schola cantorum deve destinar-se um lugar que manifeste claramente a sua natureza, como parte da assembleia dos fiéis, e a função peculiar que lhe está reservada; que facilite o desempenho dessa sua função, e que permita comodamente a todos os seus componentes uma participação plena na Santa Missa, isto é, a participação sacramental. (Instrução Geral do Missal Romano, 312). Com isso fica claro que os músicos não devem ter lugar de destaque mas fique fora do presbitério juntamente com o povo. Devem participar ativamente da Santa Missa, nas orações, nos cantos, nos momentos de silêncio e escuta da palavra de Deus.
No que diz respeito aos uso dos instrumentos, o órgão e os outros instrumentos musicais legitimamente aprovados sejam colocados num lugar apropriado, de modo a poderem apoiar o canto, quer da schola quer do povo, e a serem bem ouvidos por todos, quando intervêm sozinhos. É conveniente que o órgão, antes de ser destinado ao uso litúrgico, seja benzido segundo o rito que vem no Ritual Romano.

No tempo do Advento usem-se o órgão e outros instrumentos musicais com a moderação que convém à índole deste tempo, de modo a não antecipar a plena alegria do Natal do Senhor.
 No tempo da Quaresma só é permitido o toque do órgão e dos outros instrumentos musicais para sustentar o canto.

Exceptuam-se, porém, o domingo Laetare (IV da Quaresma), as solenidades e as festas. (Instrução Geral do Missal Romano, 313).

Os instrumentistas devem ter cuidado para que a voz sempre esteja em primeiro plano para que o mais importante, que é o texto, seja entendido por toda a assembleia. As virtuosidades que tiram a atenção do povo não contribuem em uma celebração litúrgica.






Por Fábio Roniel
Fonte: http://www.cancaonova.com/cnova/ministerio/temp/inf_txt.php?id=2455 
Share:

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Agenda Paroquial 2020

Pesquisar

Postagens mais visitadas

Arquivo do blog