CURSILHO: Escola Vivencial



Setor Executivo Diocesano de Una/BA do Movimento de Cursilho iniciou as atividades do ano de 2017, no dia 06.01.17 com a realização da Escola Vivencial ministrada pelo Coordenador Diocesano da Diocese de Itabuna/BA, Luiz Carlos Souza (Lula). A Escola aconteceu no Salão Paroquial com a presença dos cursilhistas da Paróquia São José (Una/BA).









Share:

CURSILHO: GED da Dicose de Itabuna participa da Reunião do GER em Eunápolis



Representantes do Grupo Executivo Diocesano (GED) da Diocese de Itabuna/BA participa do Encontro de Coordenadores do setor 02 – Sul da Bahia do Grupo Executivo Regional (GER) na cidade de Eunápolis. Participaram da reunião membros dos GED’s das Dioceses de Itabuna, Ilhéus, Teixeira de Freitas e Eunápolis.



Assessor Espiritual do GED da Diocese de Eunápolis











Share:

OUTEIRO - UNA: Abertura do Tríduo do Senhor do Bomfim


No último dia 02 de fevereiro iniciou no distrito de Outeiro (Una/BA) o tríduo em preparação a Festa do Senhor do Bonfim, que acontecerá no dia 05.02. A Abertura do Tríduo teve como presidente da Celebração, o Padre Gilvan Oliveira e a participação da comunidade da Igreja Matriz São José (Una/BA).


















Share:

MENSAGEM DE DOM CESLAU AOS SEUS DIOCESANOS




“A todos que estão sintonizados conosco, sou Dom Ceslau, Bispo de Itabuna até agora. O direito canônico manda que cada Bispo com 75 anos, apresenta sua renúncia aos Santo Padre. Escrevi a carta como todos os Bispos, a 2 anos atrás e o Santo Padre escreveu respondendo que “aceita a renúncia e pede que eu fique na Diocese como administrador apostólico, até a nomeação de um novo Bispo”. Isso demorou quase 2 anos.
No dia 1º de fevereiro deste ano, foi publicado e anunciado a aceitação da renúncia e em seguida foi nomeado o novo Bispo, Dom Carlos Alberto dos Santos, que foi transferido da Diocese de Teixeira de Freitas. Assim ao mesmo tempo, recebi da Santa Sé, o documento nomeando-me o administrador apostólico até a tomada de posse do novo Bispo.
Então, passaram-se 20 anos aqui em Itabuna. Preocupamos fazer o que deveria ser feito, estar bem perto de todos, procurar realmente a animar os que sofrem e os desanimados… procurar realmente crescer a Diocese, especialmente para preparar o espaço físico para trabalhar, como conseguimos a casa para o Bispo, o centro de pastoral diocesano e assim por diante. Mas estas coisas são secundárias, o mais importante que a gente se esforçou realmente, foi que a evangelização fosse dominante nesta Diocese.
Se olhar aqui na Diocese, a gente fica contente que quase todos os padres foram por mim ordenados, também fico muito contente que a nossa Diocese se abriu para as missões. Temos atualmente um missionário que é padre Luis que está em Moçambique, padre Badacer que trabalha na Pontifícia Obras Missionárias (POM) em Brasília. Isto é uma abertura da Diocese para o apelo constante dos tempos e também um incentivo do Papa Francisco.
O novo Bispo que vem, damos às boas vindas. Ficamos contentes com a sua chegada. Conheço bem Dom Carlos Alberto, fui na ordenação dele em Sergipe e também na tomada de posse em Teixeira de Freitas. Agora, ele foi nomeado pelo Papa, como o 5º Bispo da Diocese de Itabuna.
Agora eu estarei aqui preparando a chegada do novo Bispo e depois como eu digo, “a vela da vida não se apaga.” Vou procurar a servir na igreja, no que eu puder, morando em Salvador, na minha congregação redentorista. Por isso aqui, a nossa alegria da vinda do novo Bispo e também saudade deste povo tão bom daqui de Itabuna.E então, ainda, nos veremos. Por isso nossa alegria desde já.
A todos que Deus vos abençoe e proteja. Rezem por mim, para que eu seja fiel até o fim.
Que Deus abençoe a todos em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo, amém!

Fonte: http://portalcatolico.net/portal/index.php/2017/02/01/mensagem-de-dom-ceslau-aos-seus-diocesanos/
Share:

Dom Carlos Alberto dos Santos é nomeado bispo de Itabuna (BA)



Renúncia apresentada por dom Czeslaw Stanula foi acolhida pelo papa Francisco
O papa Francisco aceitou o pedido de renúncia ao governo pastoral da diocese de Itabuna (BA) apresentado por dom Czeslaw Stanula. No mesmo ato, o pontífice nomeou como novo bispo diocesano, dom Carlos Alberto dos Santos, que atualmente é bispo da diocese de Teixeira de Freitas (BA).
Sergipano, 61 anos de idade, ordenado padre em 1983, em Tobias Barreto (SE), dom Carlos Alberto dos Santos foi nomeado bispo em 15 de junho de 2005 e ordenado em 26 de julho do mesmo ano, em Aracaju (SE).

Atividades

Dom Carlos Alberto cursou Filosofia em Lorena (SP) e Teologia no Instituto Salesiano Pio XI, em São Paulo (SP). Em sua trajetória antes do episcopado, já atuou como reitor do seminário provincial Nossa Senhora da Conceição, em Aracaju (SE). Também foi responsável pela Pastoral Vocacional da arquidiocese de Aracaju (SE), assim como já foi membro do Conselho Presbiteral, do Colégio de Consultores e assistente espiritual arquidiocesano do Apostolado da Oração. Seu lema episcopal é “Per Mariam ad eucharistiam”.

Dom Stanula

O agora bispo emérito de Itabuna, dom Czeslaw Stanula, é polonês e já atuou em seu país, na Argentina e no Brasil, especialmente no estado da Bahia, onde exerceu boa parte de sua missão desde o sacerdócio nas missões populares. Dom Czeslaw foi bispo de Floresta (PE), entre 1989 e 1997; atuou como animador da Vida Consagrada no Regional Nordeste 2 da CNBB e foi membro da Comissão Episcopal de Pastoral no regional, onde também foi o responsável pela Família e pela Comunicação. No regional Nordeste 3, foi bispo referencial da Pastoral Familiar, dos Leigos e da Renovação Carismática. Dom Stanula também foi presidente do regional Nordeste 3 da CNBB.

Fonte:CNBB
Share:

Agenda Paroquial 2021


Pesquisar

Postagens mais visitadas

Arquivo do blog